Capital da Tailândia: mapa, o que fazer e melhores regiões

30 set 2021 • 9 minutos de leitura por danielcosenza

O sudeste asiático é vibrante, e a capital da Tailândia não poderia ser diferente. 

Imagina a mistura entre uma metrópole moderna e próspera com a preservação da cultura e tradição tailandesa.

São milhões de turistas visitando Bangkok todos os anos, e a estrutura hoteleira, assim como o setor de serviços em geral, é impecável. 

Sem falar nas opções de atrativos turísticos que são bem variadas e atendem a todos os gostos.

Neste texto, vamos contar tudo o que precisa saber para ter a melhor experiência possível na capital da Tailândia. Confira na leitura!

Capital da Tailândia: conheça Bangkok!

Sendo uma cidade cosmopolita, a capital da Tailândia possui um sistema de transporte coletivo rápido, barato e eficiente. 

O mínimo conhecimento em inglês é o suficiente para você não se perder, tudo é muito bem sinalizado e as pessoas são bem zelosas para informar.

Além disso, Bangkok é um lugar de grandes proporções, com atrativos turísticos para todos os gostos e bolsos.

Existem muitas opções de passeios para os viajantes de baixo orçamento, como as feiras de rua, cheias de produtos locais como: tecidos, ornamentos, móveis, frutas, comidas típicas, artesanato e flores.

Quer saber o que fazer em Bangkok à noite? Não se preocupe! A cidade é cheia de boates, bares e restaurantes badalados. Os bares estão sempre cheios e as pessoas lotam as pistas de dança.

Não só Bangkok, mas diversas outras cidades do sudeste asiático são conhecidas por suas noites animadas. 

A Tailândia também é privilegiada quando o assunto é praia. O litoral é simplesmente paradisíaco, mas as belezas não param por aí.

Sua arquitetura representa uma mistura entre o atual, com a extravagância de enormes edifícios ultramodernos, e o antigo, com palácios e ruínas milenares.

Então confira o que fazer nesse destino tão especial e capaz de proporcionar experiências incríveis aos seus visitantes. 

Onde fica a cidade de Bancoc?

Onde fica a cidade de Bancoc?
Fonte: Pexels

A capital da Tailândia, Bangkok, fica às margens do rio Chao Phraya, próxima ao Golfo da Tailândia

Localiza-se no centro do país, no sudeste asiático, e faz fronteira com lugares como o Camboja, Laos, Myanmar e Malásia.

Devido a proximidade com esses países, muitos aventureiros e mochileiros cruzam as fronteiras de ônibus, trens ou veículos particulares.

Para os fãs do surfe, a Tailândia é um ótimo ponto de partida para acessar a Indonésia ou as Filipinas, locais famosos para os praticantes do esporte. 

Se não quiser pegar um voo ou simplesmente gastar dinheiro, saiba que as praias tailandesas são belíssimas, além de mais calmas e, em alguns pontos, também repletas de surfistas.

Qual é o continente da Tailândia?

A Tailândia fica na Ásia, e como já citamos neste texto, no sudeste. Os vizinhos da Tailândia também oferecem bons pontos turísticos e opções de lazer, mas Bangkok é perfeita no quesito “variedade”.

A Ásia é deslumbrante por natureza, com sua fauna repleta de pássaros coloridos, animais enormes como o elefante, mas também é fascinante por sua cultura rica em cores, danças e música.

Além das características citadas acima, daremos um destaque para a diversidade gastronômica do continente, em especial na capital da Tailândia, rica em aromas e temperos.

Quando ir à Tailândia?

O clima no país é tropical, ou seja, quente e úmido. Existem dois períodos bem distintos no ano: seco e chuvoso. 

Portanto, se pretende explorar e aproveitar as praias e ilhas, melhor evitar a época das monções.

As chuvas são intensas e de ventos muito fortes, nada agradável para quem pretende fazer um passeio de barco, ou simplesmente passear pelas ruas.

Quando começam as monções, são dias a fio sem parar de chover, então programe sua viagem para não se decepcionar com essa possibilidade. 

Por isso, o mais indicado é visitar a capital da Tailândia no início do ano.

Nessa época, o calor não é insuportável e o clima vai estar perfeito para conhecer Bangkok caminhando. Afinal, quem não gosta de sair ao menos para explorar a vizinhança do hotel, não é mesmo? 

A temperatura em janeiro, por exemplo, varia entre 25ºC e 30ºC com o sol sempre presente, nada mal para conhecer as praias e se refrescar no mar.

Viaje com economia pesquisando no Passagens Promo!

Onde ficar em Bangkok?

Onde ficar em Bangkok
Fonte: The Raweekanlaya Hotel

Por ser uma cidade muito visada para o turismo, Bangkok oferece acomodações acessíveis para todo tipo de viajante e para qualquer nível de exigência. 

Por isso, vamos listar algumas regiões com excelentes ofertas de hospedagens para você já tomar nota, combinado? 

Khao San Road

É uma das ruas mais procuradas pelos turistas, então não se assuste com a movimentação e o barulho. 

Ao longo da rua Khao San, você vai encontrar bares, restaurantes, lojas de roupas, de tecidos e diversos outros produtos.

Por ser relativamente pequena, é possível caminhar por ela diversas vezes para observar o comércio e o tráfego de pessoas. 

Os preços são bem convenientes para todos os orçamentos de viagem e a região costuma contar com boas ofertas de hospedagens com valores mais em conta.

Pessoas, carros e motos se misturam no fervor de Khao San Road. Se gosta de ver o movimento e ficar bem próximo às comodidades da região, esse lugar é para você, turista prático.

Sukhumvit

Sukhumvit é um bairro enorme da capital da Tailândia. Uma parte é dedicada ao comércio, com mercados e shoppings, e outra à moradias e locais mais tradicionais.

A parte mais movimentada de Sukhumvit fica próxima ao centro e é bem agitada durante a noite. 

Este é um bom lugar para se hospedar, que oferece uma vasta quantidade de hotéis e fica nas proximidades de grande parte das atrações de Bangkok.

Aqui vai uma dica: ao redor das estações National Stadium e Chit Lom você se hospeda com muito conforto, preços honestos e ainda fica em um ponto ótimo para se locomover pela cidade.

Silom

Silom
Fonte: Tini Kati Hotel Silom

A região representa um dos polos financeiros da cidade e oferece a vantagem de estar próxima ao centro e de várias atrações.

É um lugar que oferece uma boa oferta de hotéis e a vantagem de estar próximo a estação de trem, facilitando o deslocamento para diversos pontos turísticos.

Em Silom, o dia e a noite são completamente diferentes. De dia, os trabalhadores e transeuntes ocupam os restaurantes para a hora de almoço, enquanto a noite é inteiramente dedicada às boates e clubes.

Os bares ficam abarrotados de boêmios em happy hour, as boates abrem as portas e as luzes coloridas predominam no lugar do sol forte e escaldante.

E não para por aí, em Silom existem alguns parques com área verde para passeios mais tranquilos, assim como museus e galerias de arte abertos à visitação. Tudo de bom, você não acha?

Riverside

Riverside possui diversos marcos históricos, monumentos e um intenso trânsito nas águas do rio. 

As margens oferecem uma bela visão do tráfego de embarcações: frequentes taxis aquáticos e barcas de mercadorias.

O famoso Grande Palácio e o Wat Phra Kaew, o templo mais sagrado da Tailândia (lar do Buda de Esmeralda) e que já foi residência da realeza, estão em Riverside, mas não são as únicas atrações dessa região.

Além da bela vista e da proximidade com diversos templos da cidade, Riverside é uma região que possui um grande número de hotéis de luxo que, em comparação a outros destinos globais, possuem diárias menos salgadas.

A desvantagem dessa região é a relativa distância das estações de BTS. Então é indicada para quem realmente tem condição de arcar com deslocamentos de táxi.

Old Town

Trata-se do lugar onde as raízes históricas de Bangkok são o destaque.

Museus, templos, comércios e toda a extravagância de formas e cores estão espalhadas pelos edifícios de Old Town. 

Um deles, o templo Loha Prasat, foi construído em 1846 e impressiona com suas 37 torres cintilantes e pontiagudas.

O Museu Nacional de Bangkok, responsável pelo maior acervo de arte e objetos de toda a Tailândia, também se destaca como uma das principais atrações locais. 

Construído no mesmo terreno de um antigo palácio do século XVIII, o museu abriga exposições muito bem organizadas e com informações em inglês.

Para quem gosta de aprender sobre a história, costumes e cultura dos lugares que visita, Old Town é “um prato cheio”.

Essa é a região ideal para quem tem pouco tempo na cidade, já que fica próxima aos principais pontos turísticos de Bangkok e ainda oferece ofertas de hospedagens em variadas faixas de preços.

Encontre os melhores hotéis na capital da Tailândia

Encontre os melhores hotéis na capital da Tailândia
Fonte: Livotel Hotel Lat Phrao

Piscinas panorâmicas, restaurantes com apresentações de músicas e danças típicas, quartos aconchegantes e arquitetura suntuosa. 

São tantas opções de hotéis em Bangkok incríveis que fica difícil escolher qual o melhor para a sua viagem.

Para te ajudar nessa tarefa, conte com o melhor buscador do mercado, o ElQuarto!

Aqui você filtra as opções mais adequadas para o seu orçamento. Nosso site reúne milhares de quartos e acomodações na capital da Tailândia e em qualquer outro destino do mundo.

Isso tudo com o máximo de economia possível. São diversas ofertas com cancelamento grátis, pagamento antecipado das diárias e preços exclusivos!

Previna-se contra imprevistos com um bom seguro de viagem!

Capital da Tailândia: mapa

Cortada de norte a sul pelo rio Chao Phraya e, portanto, repleta de canais, Bangkok tem um mapa fácil de ser seguido, tanto para se locomover quanto para encontrar as opções de lazer que mais te interessam.

Diversas atrações estão às margens dos rios, por isso, aproveitar os transportes fluviais é uma excelente forma de conhecer todos os pontos importantes da cidade.

Confira aqui o mapa da capital da Tailândia!

O que fazer em Bangkok?

Como você já deve ter percebido, em Bangkok o que não faltam são opções para se divertir, interagir com outras pessoas, passear e ter maravilhosas experiências gastronômicas.

Shows musicais de vários estilos, museus enormes e com objetos únicos, rica história e cultura local, tudo isso você encontra pelas ruas movimentadas e coloridas da capital da Tailândia!

Grand Palace 

Grand Palace
Fonte: Pixabay

O palácio é tradicional e espetacular, portanto você deve se vestir adequadamente para visitá-lo. Camisa de mangas, calças compridas e nada de transparência para as mulheres.

Trata-se de um local muito solene e importante para os tailandeses, respeitar as tradições do lugar que visitamos é o mínimo que podemos fazer, concorda?

Wat Pho

É um complexo de templos. Lar do Buda deitado de 46 metros, uma enorme estátua toda folheada a ouro. 

Fica bem próximo ao Grand Palace, há uns 10 minutos de caminhada, mas não é tão movimentado quanto a casa do Buda de esmeralda.

Wat Arun

Conhecido como Templo do Amanhecer, fica na margem oeste do rio Chao Phraya, na área de Thonburi, distrito de Bangkok Yai. O nome é em homenagem ao deus Aruna, representado pelos raios do sol.

Suas fundações datam do séc. XVII, mas foi o rei Rama II quem mandou construir seu enorme coruchéu (aquele acabamento piramidal ou cônico das torres) central, entre 1809 e 1824.

É um lugar belíssimo e que, definitivamente, deve estar no seu roteiro de viagem pela capital da Tailândia.

Rio Chao Phraya

Rio Chao Phraya
Fonte: Pexels

A visão do rio é simplesmente deslumbrante. As luzes noturnas dos canais encantam os turistas que buscam os melhores restaurantes às margens para apreciar a vista, enquanto saboreiam deliciosos pratos da culinária tailandesa.

Além disso, você pode fazer passeios em barcos especiais para turistas. Os trajetos incluem a visitação de diversos pontos turísticos, o que é bem prático e confortável, não é mesmo?

Chinatown

Chinatown é uma excelente opção para quem gosta de explorar lugares com o auxílio de uma bike.

Como era de se esperar, a região é repleta de referências à cultura chinesa como: lanternas, dragões, monumentos, bandeiras e feiras de rua.

Além disso, o maior Buda de ouro fica em um templo de Chinatown, o Wat Traimit, lugar de peregrinação de budistas do mundo inteiro para reverenciar a estátua sagrada.

Outras atrações também valem a visita como o China Gate, o templo chines Wat Mangkol Kamalawat e o parque Romaneenart.

Ayutthaya

É um passeio imperdível! A cidade real de Ayutthaya já foi a capital do antigo reino de Sião, antes mesmo da Tailândia existir. 

É reconhecida como patrimônio da humanidade pela UNESCO, foi fundada em 1350 e fica a apenas uma hora de viagem da capital da Tailândia.

O que fazer em Bangkok em 3 dias?

Mesmo uma rápida passagem pela cidade vai ser inesquecível, pode ter certeza. O passeio turístico de barco é uma boa pedida para quem tem pressa. 

Em um único dia você visita os principais pontos e consegue registrar lindas imagens.

Imagina dedicar o segundo dia inteiro a conhecer as maravilhas da culinária e cultura tailandesa? A experiência gastronômica pode ser rica e surpreendente na capital da Tailândia.

Depois disso, a noite pode ser dedicada para curtir uma balada dançante em alguma boate do centro para no dia seguinte, o último da viagem, fazer passeios tranquilos pelos parques locais.

Oferta de hotéis em Bangkok no ElQuarto!

Agora que já sabe tudo sobre Bangkok é só preparar as malas e reservar a sua acomodação.

Em nossa plataforma, ElQuarto, você insere as datas em que pretende viajar, o destino que vai conhecer, e pronto! Terá acesso a diversas opções de hospedagens em qualquer lugar do mundo!

Então faça a sua cotação e descubra que conhecer a capital da Tailândia pode sair mais barato do que você jamais imaginou!

Mais dicas de destinos e viagens

Modal LGPD Usamos cookies para melhorar sua experiência em nosso site. Ao continuar a navegação, você confirma estar de acordo com o uso de cookies.
Para mais informações consulte nossa política de privacidade.