Use o cupom "ELFRIDAY" e garanta 5% OFF na sua hospedagem. Clique aqui e aproveite, esse cupom expira em

Granada, Espanha: conheça o município e suas belezas medievais!

03 jan 2023 • 10 minutos de leitura por rafael.alef

Principal herdeira do período de domínio árabe na Península Ibérica, Granada, Espanha, é uma cidade que mais se assemelha a um museu a céu aberto.

Patrimônio Mundial da Unesco, a cidade medieval deixa à mostra as heranças islâmicas na cultura, na gastronomia e na arquitetura, representada por construções monumentais, como a Fortaleza de Alhambra e o belíssimo bairro de Albaicín.

Para que você consiga conhecer tudo com calma, montamos um guia com tudo que você precisa saber sobre Granada: como chegar, quando visitar, onde ficar, o que fazer e muito mais. Vamos lá!

Granada, Espanha: melhores atrações e dicas de viagem!

Granada, Espanha: melhores atrações e dicas de viagem!
Fonte: Pxhere / CC0

Além de ser um dos centros urbanos mais bonitos do país, a cidade de Granada, Espanha, ocupa um espaço de protagonismo na história ibérica. 

A região já era ocupada desde a Era do Bronze e ganhou ainda mais importância há dois milênios, quando os romanos oficializaram a construção da cidade. 

Mais de 500 anos atrás, foi justamente em Granada que os reis Isabel de Castela e Fernando de Aragão conseguiram expulsar definitivamente os mouros após mais de oito séculos de ocupação, conferindo ares heroicos à pacata cidade da Andaluzia.

Todas essas influências culturais deixaram suas marcas na cidade e até influenciaram o que significa Granada de Espanha: há quem diga que o nome da cidade vem do árabe Gar-Anat, ou “colina de peregrinos”, outros dizem que vem do latim “granatum”, ou “romã”.

Existe até uma corrente de estudiosos que acredita que a cidade teria sido batizada em homenagem à filha de Noé, Grana.

De qualquer forma, uma coisa é certa: embora os mouros tenham deixado a região, suas riquezas ficaram para trás e hoje encantam turistas do mundo inteiro interessados em aprender mais sobre o período mais turbulento da história espanhola.

Em que região da Espanha fica Granada?

A cidade de Granada fica na região da Andaluzia Oriental, no sul da Espanha, e é a capital da província de mesmo nome, “espremida” entre a Sierra Nevada e os rios Darro e Genil.

O destino fica pertinho de outras cidades que também sofreram forte influência moura, como Málaga, que fica a 125 km de distância, Almería, a pouco menos de 170 km, e Jaén, a 95 km de Granada.

Se você deseja conhecer também a capital espanhola, será necessário percorrer uma distância um pouco maior: Madrid fica a 420 km de distância. A capital da Catalunha fica ainda mais distante, a 850 km.

Mapa de Granada, Espanha

Quer incluir a cidade medieval moura em seu planejamento de viagem? O município não é muito grande e você poderá explorar tudo a pé, com autonomia e eficiência. 

Mesmo assim, não deixe de conferir o mapa de Granada, Espanha, para descobrir onde ficam as atrações turísticas mais famosas e antecipar seus deslocamentos!

Como ir para Granada, Espanha?

Não existem voos diretos do Brasil para Granada, mas não se preocupe, pois chegar ao destino é mais fácil do que você possa imaginar.

A melhor opção para o brasileiro é voar até Madrid (Latam, Iberia e Air Europa operam o trecho sem escalas) e, então, pegar um voo da capital espanhola até o Aeropuerto Federico García Lorca, o aeroporto próximo a Granada, Espanha, a 17 km do centro.

A maior vantagem desse roteiro é a possibilidade de voar com uma companhia aérea low-cost dentro da Espanha, garantindo um pouco mais de economia à sua viagem.

Quem preferir também pode chegar a Granada de trem, uma vez que a cidade está conectada a diversos destinos espanhóis, como Barcelona, Madrid, Málaga, Sevilha e Valência, por uma extensa rede ferroviária.

Existe, ainda, a possibilidade de incluir a cidade medieval em uma roadtrip pela Espanha: as rodovias A-4 e A-44 são os principais acessos à região.

Você pode adquirir passagens para a Europa pelo menor preço no Vai de Promo: o buscador oferece descontos de até 35% e te ajuda a encontrar as melhores ofertas das principais companhias aéreas sem complicações!

Para turbinar a sua economia, vale a pena ativar o exclusivo alerta de preços do Vai de Promo. Assim, você não perde nenhuma promoção para o destino que deseja visitar!

Compre passagens aéreas a preços promocionais neste link!

Quando ir para Granada, Espanha?

Quando ir para Granada, Espanha?
Fonte: Pxhere / CC0

A cidade de Granada pode ser visitada em qualquer época do ano, embora tenha estações muito bem definidas. Isso significa que a cara da cidade pode mudar muito a depender da época da sua visita.

No verão, de junho a agosto, praticamente não chove e as temperaturas disparam, muitas vezes superando a marca de 35ºC.

É a melhor ocasião para curtir os eventos culturais da cidade, visitar atrações ao ar livre e desfrutar os festivais que acontecem por lá.

No inverno, entre novembro e fevereiro, o cenário se transforma: pode fazer frio de até -2ºC, chove constantemente e, em estações mais severas, pode até nevar.

As temperaturas baixas e as condições climáticas são perfeitas para curtir as atrações da Sierra Nevada, incluindo suas pistas de esqui, o que atrai milhares de turistas à região nessa época do ano. 

Em outras palavras, faça suas reservas com antecedência se estiver pensando em conhecer a cidade entre novembro e fevereiro, pois a cidade fica cheia nos meses mais frios e os preços dos hotéis podem disparar.

Onde se hospedar em Granada, Espanha?

Como a cidade é relativamente pequena, é bastante fácil encontrar onde ficar em Granada, Espanha, já que você estará bem-localizado em praticamente qualquer região.

O centro histórico é, sem dúvidas, o melhor lugar para ficar, desde que você esteja disposto a pagar um pouco mais pela hospedagem. 

Desse modo, você estará pertinho de todas as atrações turísticas, como a Catedral de Granada, a Plaza Nueva e a Fortaleza de Alhambra, e não vai depender de carro para jantar, passear ou ir às compras.

Há, porém, quem prefira o bairro histórico de Albaicín para hospedagem: o antigo distrito mouro é conhecido por suas ruas estreitas e casas pintadas de branco, possibilitando uma experiência ainda mais memorável para o turista.

A região abriga boa parte das atrações históricas granadinas e fica bem pertinho do centro histórico, além de contar com muitas opções gastronômicas e lojas.

O lado negativo de ficar em Albaicín é o difícil acesso para quem está de carro. Muitas ruas são exclusivas para pedestres e você vai precisar circular a pé pela região.

Se você quer mesmo é poupar alguns euros em diárias, a melhor opção é ficar no distrito de Ronda, um bairro residencial mais moderno e tranquilo, famoso pelos hotéis mais econômicos, embora fique mais distante do centro.

Os melhores hotéis em Granada, Espanha, estão aqui!

Os melhores hotéis em Granada, Espanha, estão aqui!
Fonte: Hostel Nut

O que você acha de garantir seus hotéis na Espanha ou qualquer outro destino sem pesar no bolso? É só fazer sua pesquisa de preços no El Quarto!

Nosso buscador reúne milhares de acomodações a preços exclusivos, incluindo opções com cancelamento gratuito para facilitar o seu planejamento de viagem.

Você pode comparar ofertas, reservar quartos e até pagar suas diárias online e em reais (sem incidência de IOF) em um só lugar, tudo com o máximo de comodidade, praticidade e segurança.

O que há para fazer em Granada?

Passear pela cidade medieval do sul da Espanha é o mesmo que cair de cabeça em mais de 2.000 anos de história, com tantas atrações por metro quadrado que você vai precisar de um roteiro para não perder nada.

Para te ajudar, destacamos os principais atrativos da cidade moura. Vem conferir o que fazer em Granada, Espanha! 

Alhambra 

Alhambra, palácio em Granada, Espanha, é uma atração obrigatória em qualquer roteiro pela cidade.

O complexo construído pelos árabes, tombado como Patrimônio da Humanidade pela Unesco, é formado por três espaços: a citadela murada de Alcazaba, o complexo urbano e os palácios.

Residência oficial dos reis islâmicos durante a ocupação moura na Espanha, o complexo inclui, ainda, jardins, edificações militares, pátios e outros espaços que ajudam a entender como era o dia a dia na Granada do passado.

A Alhambra é também a atração mais famosa da cidade, então procure adquirir seus ingressos com antecedência e chegue cedo para evitar as longas filas!

Catedral de Granada

Uma das construções mais importantes do Renascentismo Espanhol, a Catedral de Granada está localizada em meio a um labirinto de ruelas no centro histórico, na região mais antiga de toda a cidade.

A suntuosa igreja foi erguida no século XVI para abrigar os restos mortais dos reis espanhóis católicos e inclui também um pequeno museu sobre a monarquia local e uma galeria com obras de artistas renomados, como Sandro Botticelli.

Albaicín 

Albaicín
Fonte: Patrizia Coppolaro / Pxhere / CC0

Considerado Patrimônio Mundial pela Unesco, o bairro histórico de Albaicín não pode ficar de fora do seu roteiro por Granada.

Principal distrito muçulmano da cidade, o bairro tem casinhas pintadas de branco com janelas em estilo arabesco e pátios muito bonitos, bem ao estilo tradicional islâmico.

A região abriga várias atrações imperdíveis, como a Igreja e o Mirador de San Nicolás, o Palácio Dar-al-Horra e a Plaza Nueva, rodeada por construções importantes.

Alcaicería 

A Alcaicería é o mais importante mercado árabe (ou “souk”) de Granada, situada bem no centro da cidade.

Vale a pena reservar algumas horas para percorrer os corredores estreitos e cheios de preciosidades do mercado, mesmo que você não tenha a intenção de ir às compras: assim, você poderá conhecer artesanatos, cerâmicas e outras relíquias em estilo árabe.

Mirador de San Nicolás 

Um dos pontos turísticos mais importantes da cidade é o Mirador de San Nicolás, localizado em uma colina nos pés da Sierra Nevada, de onde você poderá contemplar toda a cidade, incluindo a Alhambra, o bairro de Albaicín e outras atrações famosas.

Uma boa dica é visitar o local no fim do dia, para se maravilhar com o pôr do sol e logo depois curtir a iluminação noturna da cidade.

Sierra Nevada 

Cordilheira mais alta da Andaluzia e uma das principais elevações da Península Ibérica, a Sierra Nevada fica a apenas meia hora do centro de Granada e merece um espaço no seu roteiro de viagem.

A montanha fica coberta pela neve entre dezembro e abril, atraindo milhares de visitantes às estações de esqui da região, como Monachil, Pradollano e Borreguiles.

Mesmo que você não esteja visitando a cidade na temporada de neve, ainda vale a pena visitar a Sierra Nevada para percorrer suas trilhas, conhecer seus paredões para escalada, visitar seus mirantes e até encarar suas rampas de voo livre.

Generalife 

Generalife
Fonte: Pxhere / CC0

Que tal conhecer a residência oficial dos sultões que governaram a cidade durante a ocupação moura? Não deixe de visitar o Generalife, um belíssimo palácio do século XIII anexo à Alhambra.

A construção fica no ponto mais alto do complexo, cercada por jardins, fontes, piscinas e várias esculturas que tornam o cenário ainda mais bonito.

Durante a sua visita, aproveite para curtir a espetacular vista de Granada do alto de uma de suas construções mais importantes.

Sacromonte 

A região de Sacromonte oferece a oportunidade de conhecer a cidade de Granada sob uma perspectiva diferente e interessante.

O bairro cigano é um dos mais antigos e agradáveis da cidade, com ruas ocupadas por dançarinos de flamenco e músicos em performances ao vivo, para deleite dos visitantes.

Localizado fora do centro histórico, o bairro é famoso por suas “cuevas”, ou cavernas artificiais escavadas na montanha que servem para comércio e moradia.

É nessa região que ficam atrações como o Mirador Mario Maya e a monumental Abadia de Sacromonte, erguida no século XVII, além de bares, casas noturnas e restaurantes que oferecem intensa programação cultural.

Em outras palavras, o melhor cantinho da cidade para curtir a noite e mergulhar na riquíssima cultura local!

Onde comer em Granada, Espanha?

As influências árabes, cristãs e mediterrâneas ajudaram a moldar a gastronomia granadina, bastante centrada em pratos à base de frutos do mar, pescados e iguarias típicas da região.

Se você chegou a este artigo em busca de dicas de bons restaurantes em Granada, Espanha, pode se animar: a cidade tem várias zonas gastronômicas em diferentes bairros, o que significa que sempre terá um bom restaurante pertinho de você.

No centro histórico, você encontrará boas opções gastronômicas nos arredores das praças María Pineda e Nueva, bem como na Carrera del Darro, considerada uma das ruas mais bonitas do mundo.

Quem gosta de restaurantes mais sofisticados pode curtir os estabelecimentos da região do Paseo de los Tristes, o melhor lugar da cidade para conhecer a tradicional cozinha local.

Quer emendar um jantar inesquecível com uma balada animada? A rua Elvira é uma boa pedida, já que é o endereço de muitos restaurantes, bares, pubs e casas noturnas.

E não deixe de experimentar as tradicionais tapas, aperitivos típicos de Granada: o bairro Realejo e as ruas Gonzalo Gallas e Navas são referência nessa delícia granadina!

O que fazer em 1 dia em Granada, Espanha?

O que fazer em 1 dia em Granada Espanha?
Fonte: Pxhere / CC0

Você pretende fazer um bate-volta até Granada, Espanha, durante o seu roteiro pela Andaluzia? Não se preocupe, pois será possível conhecer várias atrações em apenas um dia, desde que você se organize.

Pode ser uma boa ideia começar o seu passeio pela Alhambra, atração mais imperdível da cidade: no começo do dia, as filas são menores e você poderá otimizar o seu tempo durante a visita, que deve durar ao menos a manhã inteira.

Depois do almoço, conheça o bairro de Sacromonte, passeie pela abadia e faça uma visita ao Museu Cuevas para conhecer as cavernas da região. Em seguida, siga até o bairro histórico de Albaicín.

Suba até o Mirador de San Nicolás no fim do dia para apreciar o pôr do sol e finalize o seu roteiro de um dia em Granada com uma visita a uma das casas de show de flamenco da cidade.

O seguro viagem é obrigatório para entrar na Espanha!

Tão importante quanto adquirir passagens aéreas e reservar hotéis para a sua viagem é contratar um bom seguro viagem: o item, afinal, é obrigatório para quem vai visitar a Espanha.

Além de atender a uma exigência das autoridades europeias, o seguro viagem garante amparo financeiro e tranquilidade ao viajante mesmo nos momentos mais difíceis e inesperados.

Assim, você terá cobertura médica e odontológica, seguro por morte ou invalidez, assistência em caso de atraso ou cancelamento de voo, seguro bagagem e muitos outros serviços que podem fazer a diferença em caso de necessidade.

O seguro viagem mais barato do mercado está no Seguros Promo, que te ajuda a comparar planos e garante as melhores ofertas das principais seguradoras.

Use o cupom BLOG20 e garanta 20% de desconto na cotação de um seguro viagem!

Encontre hospedagem em Granada, Espanha, pelo melhor preço!

Você encontra os melhores hotéis em Granada, Espanha, no El Quarto: são milhares de acomodações a preços exclusivos e ofertas com cancelamento gratuito para que você possa viajar muito sem pesar no bolso.

É possível fazer todo o planejamento de hospedagem no ElQuarto, desde a pesquisa de preços até a reserva de hospedagens, incluindo o pagamento das diárias em reais, sem incidência de IOF.

Faça uma simulação gratuita para descobrir que visitar a cidade medieval não precisa atrapalhar o seu orçamento e não se esqueça de assinar a newsletter para receber ofertas com descontos de até 50%!

Modal LGPD Usamos cookies para melhorar sua experiência em nosso site. Ao continuar a navegação, você confirma estar de acordo com o uso de cookies.
Para mais informações consulte nossa política de privacidade.