O que é hostel: saiba tudo que precisa para fazer boas escolhas de hospedagem!

08 abr 2022 • 9 minutos de leitura por danielcosenza

Quer descobrir o que é hostel e o que esperar desse formato de hospedagem? Você chegou ao artigo certo, pois montamos um guia com tudo que você precisa saber sobre essa modalidade hoteleira cada vez mais popular.

O hostel pode ser indicado para quem viaja sozinho, em casal ou em grupo, no Brasil ou no exterior, além de ser uma opção notadamente mais econômica

No entanto, vale a pena ficar de olho em alguns detalhes que podem tornar sua experiência de hospedagem ainda mais positiva. Confira!

O que é hostel: o que você precisa saber?

Você pode até já ter ouvido essa palavra por aí, mas você sabe o que é hostel na prática? Embora esse formato de estadia seja cada vez mais procurado, ainda gera muitas dúvidas na cabeça dos viajantes.

Afinal, em comparação a modalidades mais convencionais de hospedagem, como hotéis, resorts e pousadas, o hostel oferece novidades significativas a seus hóspedes.

Nos últimos anos, o número de pessoas que viajam desacompanhadas tem crescido exponencialmente, o que resultou no aumento da demanda por acomodações adequadas para viajantes solo e, sobretudo, a preços mais econômicos.

Afinal, quem viaja sozinho tem suas próprias necessidades e preferências, nem sempre atendidas por hotéis e pousadas tradicionais.

Nesse sentido, o hostel oferece diversas modalidades de quartos (coletivos, mistos e privativos, por exemplo), com banheiro privativo ou compartilhado, com ou sem café da manhã, e por aí vai, sempre com foco no viajante solo.

Por isso, o primeiro passo para avaliar se esse formato de hospedagem serve para o seu perfil de hóspede é conhecer mais sobre o que é hostel e o que esse tipo de estadia tem a oferecer. Veja só!

Afinal, o que é hostel?

Afinal, o que é hostel?
Fonte: Unsplash

A primeira coisa que você precisa saber antes de sair por aí reservando sua estadia é o que é e como funciona um hostel.

Em poucas palavras, estamos falando de uma hospedagem em que o hóspede paga apenas pela cama que ocupa

Todo o restante do espaço disponível deve, então, ser compartilhado com os demais hóspedes, como banheiros, cozinha, sala de reunião, lavanderia, área de lazer, entre outros.

Além disso, esse tipo de hospedagem não oferece certos serviços, como camareira ou serviço de quarto: é tudo feito no estilo “faça você mesmo”, o que ajuda a criar um ambiente bem diferente dos hotéis tradicionais.

O que significa a palavra hostel?

Você não sabe inglês e não tem ideia do que significa hostel? Não se preocupe, pois a resposta pode ser mais simples do que você imagina.

No português, hostel pode ser traduzido para “albergue”, que nada mais é que uma hospedagem de baixo custo com instalações de uso comum.

Compre passagens aéreas a preços promocionais neste link!

Qual é a diferença entre hotel e hostel?

Qual é a diferença entre hotel e hostel?
Fonte: Unsplash

Como estamos falando de hospedagem, é natural que o viajante se pergunte qual a diferença entre hostel e hotel, já que até a grafia das duas palavras é semelhante.

Existem dois pontos principais que separam os conceitos: o custo e o compartilhamento.

Se você fica em um hotel acaba pagando mais caro pela experiência de privacidade. Afinal, mesmo que você esteja viajando sozinho, o hotel irá designar um quarto inteiro só para você.

No hostel, o viajante paga apenas pela cama em que vai dormir: todo o resto será compartilhado, o que reduz drasticamente os custos envolvidos.

Esse compartilhamento típico do formato hostel é bastante atraente para quem deseja conhecer pessoas de outros lugares, pois, como você vai dividir espaço com gente de todo canto, terá a oportunidade de fazer novas conexões!

Em contrapartida, quem fica em hostel deve estar disposto a abrir mão de alguns confortos: o café da manhã, por exemplo, nem sempre está incluso na diária.

Melhores hospedagens em promoção no ElQuarto!

Já imaginou encontrar hostel, hotel, pousada ou resort em um só lugar? É só visitar o buscador ElQuarto para garantir sua hospedagem pelo melhor custo-benefício, não importa o destino!

A plataforma moderna do ElQuarto reúne milhares de acomodações em diferentes formatos e faixas de preço, incluindo opções com cancelamento gratuito, para que você possa fazer todo o seu planejamento de hospedagem em um só lugar.

Isso significa que você pode comparar preços, reservar quartos e até pagar suas diárias com o máximo de comodidade e segurança, em poucos cliques!

Faça uma simulação e descubra que é possível viajar muito gastando pouco!

Como que funciona um hostel?

Como que funciona um hostel?
Fonte: Pxhere / CC0

Tão importante quanto descobrir o que é hostel é avaliar se esse tipo de hospedagem é adequada para o que você precisa. 

Os quartos coletivos, mistos e privativos têm preços distintos: quanto mais privacidade a acomodação oferece, mais cara tende a ser a diária. 

Algumas acomodações coletivas incluem um banheiro para cada quarto, enquanto outras disponibilizam apenas banheiros compartilhados por todo o hostel. 

Os demais espaços são coletivos: os hóspedes têm acesso a cozinha equipada com fogão, geladeira e outros utensílios, além de bar, recepção, sala de jogos e outras acomodações, que variam de estabelecimento para estabelecimento.

Quanto custa um hostel?

Quanto custa um hostel depende de diversos fatores, mas, em geral, esse formato de hospedagem é bem mais barato em comparação a hotel, pousada ou resort.

Afinal, você paga apenas pela sua cama, o que possibilita que o hostel concentre vários hóspedes em um único ambiente, otimizando a distribuição do espaço.

A oferta de serviços e comodidades também influencia o preço da estadia: hostels com piscina, área de lazer e salas de reunião tendem a ser mais caros que hostels que oferecem apenas cama e cozinha compartilhada.

Você também deve ficar de olho na data escolhida para a sua viagem: um hostel que cobra R$ 40 de diária na baixa temporada pode cobrar até R$ 1.500 por pacotes de hospedagem em datas especiais, como Carnaval e Réveillon.

Em média, é possível encontrar diárias entre R$ 50 e R$ 80 em hostels brasileiros. Na Europa, por sua vez, os preços giram em torno de € 20 (cerca de R$ 130, em janeiro/2022) durante a alta temporada.

O que tem em um hostel?

O que tem em um hostel?
Fonte: Pxhere / CC0

Com o aumento da popularidade dos hostels entre os viajantes, esses estabelecimentos têm buscado se diferenciar dos concorrentes no mercado, o que resulta em uma oferta cada vez maior de comodidades e espaços coletivos.

Isso quer dizer que, além de quartos e banheiros compartilhados, o hóspede pode usufruir de diferentes ambientes e comodidades na maioria dos hostels.

Muitos desses estabelecimentos oferecem wi-fi, sala de reunião, sala de jogos, área para jantar, piscina, lavanderia, bar, recepção, terraço e até mesmo eventos especiais para os hóspedes, como festas e apresentações culturais.

Alguns hostels disponibilizam, ainda, café da manhã, estacionamento e serviços extras, como organização de passeios e excursões.

O que é hostel: quais são os tipos de quartos?

A definição do que é hostel gira em torno dos tipos de quartos oferecidos. Afinal, diferentemente dos hotéis convencionais, os hostels se caracterizam pelos quartos coletivos à disposição de seus hóspedes.

Confira os principais tipos de quartos que você encontra em um hostel!

Quartos coletivos femininos ou masculinos

Ao reservar uma acomodação em um hostel, é possível que você se depare com a seguinte pergunta: quer ficar em um quarto coletivo feminino ou masculino? 

Isso significa que você terá a oportunidade de ficar em um quarto compartilhado cujos ocupantes são apenas mulheres ou homens.

Essa divisão é bastante atraente para mulheres que viajam sozinhas e preferem dormir em um quarto ocupado exclusivamente por outras mulheres.

Quartos mistos

Quartos mistos
Fonte: Pexels

A maioria dos hostels oferecem a modalidade de quartos mistos, ou seja, quartos coletivos ocupados tanto por homens quanto mulheres.

Por essas e outras, os quartos coletivos mistos costumam ser as acomodações mais baratas dos hostels.

Quarto privativo

Quem não abre mão de privacidade, mas não quer perder a oportunidade de ficar em um hostel para conhecer gente nova ou simplesmente gastar menos em hospedagem tem uma boa alternativa: quartos privativos.

Como o próprio nome sugere, o quarto privativo é de uso exclusivo do hóspede que o reservou, isto é, você não dividirá o quarto com outras pessoas.

No entanto, toda comodidade tem seu preço: o quarto privativo é tradicionalmente o mais caro de qualquer hostel.

Além disso, o estabelecimento também pode criar subdivisões nessa categoria de quarto, como quarto privativo com cama de casal ou camas de solteiro, com banheiro privativo ou compartilhado, e por aí vai.

Quartos adaptados para necessidades especiais

Os hostels também se preocupam com a acessibilidade de seus hóspedes e, por isso, passaram a oferecer quartos adaptados para pessoas com necessidades especiais.

Estes quartos oferecem, por exemplo, barras de apoio no banheiro, entrada facilitada por rampas, entre outros.

O que é hostel: é seguro se hospedar em um?

O que é hostel: é seguro se hospedar em um?
Fonte: Pxhere / CC0

Ao descobrir o que é hostel, muitas pessoas se perguntam se esse formato de hospedagem é seguro. Afinal, você estará dormindo cercado por pessoas que você não conhece, o que pode dar margem para furtos ou outros tipos de problemas.

No entanto, é fundamental ter em mente que esses riscos se estendem a qualquer formato de hospedagem: existem pessoas de má índole por todos os lados, e a única maneira de se proteger é tomando certas precauções.

Isso significa não carregar itens valiosos durante uma viagem, manter seus pertences guardados com cuidado (de preferência, com um bom cadeado) e se manter atento ao caminhar por aí.

Os hostels dispõem de seus próprios sistemas de segurança, incluindo sistema de câmeras, portas abertas exclusivamente por cartões magnéticos, controle de entrada e saída de hóspedes, entre outros.

Cote seu seguro de viagem com 15% de desconto aqui!

O que é hostel: onde ficam os pertences pessoais?

Quem fica em um quarto compartilhado pode ficar na dúvida sobre o armazenamento de seus itens pessoais. Se a cama está em um ambiente frequentado por muitas pessoas, deixar suas coisas largadas por aí não é uma boa ideia.

No entanto, os próprios hostels desenvolveram um sistema bastante eficiente para proteger os bens de seus hóspedes: em geral, todos os quartos compartilhados dispõem de um armário exclusivo para cada cama.

Por isso, vale a pena investir em um bom cadeado e manter seus bens devidamente armazenados para minimizar as chances de contratempos.

Quais são as vantagens e desvantagens de ficar em um hostel?

Se você sempre se hospedou em hotéis e só descobriu agora o que é hostel, pode ser que fique na dúvida se vale a pena, ou não, ficar em um estabelecimento desse formato.

Nessas horas, a melhor alternativa é pesar as vantagens e desvantagens antes de fazer a sua escolha.

O primeiro elemento que deve ser levado em consideração é a privacidade. Quem fica em hotel tem um quarto inteiro para si, enquanto os hóspedes de hostels precisam dividir tudo, desde o quarto até o banheiro.

Isso significa que quem fica em hostel não pode deixar suas coisas espalhadas, precisa ter algum senso de organização, deve respeitar os horários dos demais hóspedes e dividir o espaço comum com pessoas desconhecidas.

Para minimizar qualquer desconforto, vale a pena ficar em um quarto com menos hóspedes: você terá mais privacidade em uma acomodação para 6 pessoas do que em um quarto com 12 pessoas.

Em contrapartida, isso também quer dizer que os hóspedes de hostels podem interagir com viajantes de todas as partes do mundo, conhecer um pouco mais sobre outras culturas e trocar experiências de vida e viagem.

O custo-benefício também é bastante atraente: as diárias são consideravelmente mais baratas em comparação a hotéis tradicionais, o que acaba atraindo muitos viajantes econômicos e mochileiros.

Dicas para ficar em um hostel

Seguir algumas dicas simples pode tornar sua experiência em um hostel ainda mais positiva.

Se você vai ficar em um quarto coletivo e tem o sono leve, prepare-se para lidar com os hábitos noturnos de outras pessoas: vale a pena investir em tampões para ouvidos e tapa-olhos para minimizar qualquer desconforto.

Evite ao máximo acender a luz durante a noite e procure ser o menos barulhento possível. Caso você precise deixar o hostel logo cedo pela manhã, deixe sua mala pronta antes de deitar para não incomodar os colegas de quarto.

Quer usar o celular na cama? Deixe o aparelho no silencioso e diminua o brilho da tela tanto quanto for possível.

Ao tomar banho, dê preferência a horários menos movimentados, como o meio da manhã ou o fim de tarde, quando a fila do chuveiro tende a ser menor.

Acima de tudo, não se esqueça de que a chave para uma boa experiência de hospedagem em um hostel é o respeito aos demais hóspedes! 

Encontre todo tipo de acomodação no ElQuarto!

Agora que você já sabe o que é hostel, só falta visitar o buscador ElQuarto para garantir sua hospedagem com economia, rapidez e comodidade!

Nossa plataforma reúne milhares de acomodações nos principais destinos do Brasil e do mundo para levar o menor preço e opções com cancelamento grátis até você.

Faça uma simulação gratuita para encontrar a melhor hospedagem para a sua viagem sem comprometer as suas finanças!

Modal LGPD Usamos cookies para melhorar sua experiência em nosso site. Ao continuar a navegação, você confirma estar de acordo com o uso de cookies.
Para mais informações consulte nossa política de privacidade.