Onde ficar em Santiago: melhores hotéis chilenos

25 nov 2020 • 8 minutos de leitura por Paulo

Quer descobrir onde ficar em Santiago, Chile? Você chegou ao lugar certo! Reunimos tudo o que você precisa saber sobre hospedagem em uma das cidades mais visitadas da América Latina.

Conheça os melhores bairros e localizações, quanto custa se hospedar na cidade, sugestões para quem viaja sozinho ou em família, dicas e muito mais antes de reservar o seu hotel. Confira!

Onde ficar em Santiago: melhores bairros e localizações

Onde ficar em Santiago
Onde ficar em Santiago – Foto de Leonardo Cardozo Galves no Pexels

Reservar sua estadia com antecedência é uma das primeiras coisas a serem tratadas em seu planejamento de viagem. 

Dessa forma, será possível antecipar gastos e planejar rotas de deslocamento até atrações turísticas — e mais importante ainda, escolher uma região adequada para você.

Santiago é uma cidade bastante turística, com uma rede hoteleira ampla e diversa e opções para diferentes públicos: desde quem faz um mochilão econômico a quem não abre mão de luxo.

Isso quer dizer que o viajante precisa ficar atento para não cair em armadilhas ou acabar se hospedando em um bairro que não tem nada a ver com o seu perfil.

Neste artigo, vamos apresentar um pouco sobre os melhores bairros para turistas na cidade, as regiões que você deve evitar e mais dicas de viagem!

Qual o melhor lugar para se hospedar em Santiago?

Com tantas opções à disposição, é comum que o viajante se sinta confuso a respeito de onde ficar em Santiago. Afinal, qual a melhor região?

Por se manter bem localizado e com fácil acesso às principais atrações, o bairro de Lastarria é praticamente imbatível. 

O viajante que se hospeda na região pode utilizar pelo menos duas estações de metrô ou simplesmente caminhar até os bairros das redondezas, incluindo o centro.

Qual o valor da hospedagem em Santiago?

Como mencionamos, a capital chilena é uma cidade bastante diversa no quesito hotelaria, com estabelecimentos que atendem a diferentes perfis de viajantes.

Ou seja, você encontra desde hostels simples a partir de 7.600 pesos chilenos (preço em novembro/2020) até hotéis luxuosos por 80.800 pesos chilenos por dia.

Se você quiser economizar em hospedagem, é melhor viajar durante a baixa temporada, entre os meses de março e abril, quando as tarifas ficam até 40% mais baratas. Os preços mais altos surgem de novembro a dezembro, com altas de até 80%.

Onde encontrar hospedagem em Santiago?

Você encontra os melhores quartos e os menores preços de hospedagem em Santiago em nosso site de buscas, El Quarto, que te ajuda a reservar a acomodação ideal para o seu perfil em poucos cliques.

O viajante pode navegar entre diferentes filtros para encontrar hotéis, pousadas e hostels na capital chilena ou em qualquer lugar do mundo, com ofertas e descontos imbatíveis.

Um grande diferencial da plataforma é que você consegue fazer a sua reserva diretamente em real, sem a incidência do IOF. Isso permite uma fácil comparação quanto aos melhores custos e para a organização do planejamento financeiro da sua viagem.

Nossa Central de Atendimento está disponível para te auxiliar em qualquer etapa do processo, desde a pesquisa até o acompanhamento de reserva, sem burocracias desnecessárias.

Não perca tempo e reserve agora mesmo a sua hospedagem em Santiago!

Bairros para se hospedar em Santiago

O viajante tem algumas opções ao decidir onde ficar em Santiago. 

Em comum, estes bairros têm excelente infraestrutura, com tudo o que você precisa, como caixas eletrônicos, mercados, farmácias, bares, restaurantes, comércio e casas noturnas, entre outros.

Confira as nossas sugestões!

Centro de Santiago

Na hora de decidir onde ficar em Santiago, o centro é uma das regiões mais populares por ser um ponto estratégico na hora de “turistar”, próximo às principais atrações históricas.

A região é bastante movimentada durante o dia e praticamente erma à noite — mas lembre-se de que Santiago é uma cidade bastante segura, e a falta de movimento à noite não significa que é um bairro perigoso, mas apenas “paradão”.

Fique atento na hora de fazer sua reserva para não cair em armadilhas ou espeluncas. Para isso, não deixe de ler as avaliações de quem já se hospedou no hotel escolhido.

O Hotel Diego de Almagro é uma das opções de hospedagem mais charmosas da cidade, instalado em um casarão histórico com piscina e padrão 4 estrelas, pertinho do Palacio de la Moneda.

Na categoria 3 estrelas, o Hotel Panamericano é um dos mais populares do centro, com bom custo-benefício. Se quiser economizar ainda mais, o Plaza de Armas Hostel tem localização-chave, próximo ao metrô.

Lastarria

Para ficar mais perto do agito da vida noturna e manter a boa localização, perto do centro, o pequeno bairro de Lastarria é uma boa pedida, com vários edifícios históricos, bons hotéis e restaurantes requintados.

Considerado um dos melhores bairros para ficar em Santiago, a região é ideal para quem gosta de fazer tudo a pé, com diversas vias fechadas para o trânsito de veículos, além de diversas opções para a vida noturna.

O Lastarria Suite tem acomodações estilo apart-hotel com tarifas competitivas, mas é importante fazer a reserva com antecedência para não acabar sem vaga. 

A Poker Hostal é metade-pousada, metade-hostel, com bons preços para quem viaja com orçamento apertado, mas não quer ficar longe do agito noturno.

Mais elegante, o Hotel Cumbres Lastarria mistura uma arquitetura moderna a um atendimento de excelência, com boa estrutura, incluindo buffet de café da manhã e restaurante.

Para ficar próximo ao metrô, opte pelo 4 estrelas Hotel Luciano K, na divisa com o bairro de Providencia, em uma região atendida por duas linhas de metrô.

Providencia

No quesito transporte público e localização estratégica, o bairro de Providencia é o grande destaque de Santiago. Atendido por diversas estações do metrô, o bairro é ideal para quem está viajando sem carro.

A região é mais nova e conta com hotéis modernos, recém-construídos — ou seja, com cara de novinho em folha. A maior parte dos estabelecimentos da região é de grande porte.

O melhor custo-benefício no bairro está no Hostal Providencia, um albergue imenso, com acomodações privativas e compartilhadas a poucos metros da Estação Baquedano. 

Na mesma região fica o Quiral Hotel Boutique, que oferece um ambiente aconchegante em um casarão histórico.

O Travessia Bed and Breakfast é uma opção cheia de charme a poucos passos da Estação Bustamante, com estilo de pousada e instalado em uma mansão centenária.

Se você está viajando em família, dê uma olhada no Apart Hotel Providencia, que tem acomodações amplas com cozinha equipada e opções de um ou dois quartos.

El Bosque

De perfil residencial, o bairro de El Bosque é uma pedida para os viajantes que fazem questão de sossego e tranquilidade, bastante recomendado para quem está viajando com família ou crianças.

O bairro fica na região de Las Condes, ponto mais moderno da capital chilena, onde existem diversos shoppings, restaurantes e lojas badaladas. A oferta de transporte público é quase nula — ou seja, se for se hospedar por lá, é melhor alugar um carro.

Em El Bosque, um dos destaques é o Hotel Rugendas, que tem preços competitivos e quartos confortáveis, a dois quarteirões do metrô.

O Hotel Pullman Santiago El Bosque funciona em um grande edifício e tem como diferencial a vista: existem uma piscina e uma academia no 18º andar que funcionam como um mirante de toda a cidade.

O Plaza El Bosque Ebro, por sua vez, fica em um edifício elegante, com decoração clássica de muito bom gosto. O local oferece estrutura completa, com piscina, spa, restaurantes e bares no coração do bairro.

Bellavista

Na encosta do Cerro San Cristóbal, maior área verde da cidade, o bairro de Bellavista é o reduto da boêmia e da vida artística em Santiago, com uma noite agitada e um verdadeiro labirinto de charmosas ruas de pedra.

Antigo endereço do poeta Pablo Neruda, o bairro tem muitas opções culturais e gastronômicas, sobretudo nos arredores das calles Pío Nono e Constitución.

Um dos melhores albergues da cidade fica em Bellavista, o Rado Boutique Hostel, com acomodações privativas e compartilhadas, além de um rooftop com vista panorâmica da capital chilena.

Prefere se hospedar em um ambiente mais espaçoso? O Bellavista Apartments tem acomodações com até dois quartos, incluindo cozinha completa.

As alternativas mais econômicas no bairro são o Hotel Don e o Hotel Monteverde, além do aconchegante Bellavista Apartments, com tarifas competitivas.

Bairro Brasil

O bairro Brasil fica pertinho do centro e é o reduto artístico da cidade: a região favorita dos mochileiros estava abandonada e passa por um trabalho de revitalização, que devolve o charme aos edifícios históricos.

Se você procura onde ficar hospedado em Santiago com estilo, será difícil superar este bairro, considerado o mais descolado de toda a cidade e famoso pelos hotéis econômicos, populares entre universitários e mochileiros.

É possível encontrar estabelecimentos em variadas faixas de preço, como os básicos Happy House Hostel e Landay Hostel Cafe Bar, ou o luxuoso Matildas Hotel Boutique.

O Guest House Mery é bastante simples, porém aconchegante, no padrão 3 estrelas.

Em que hotel ficar em Santiago?

O melhor hotel depende do viajante e do objetivo da viagem.

Se você quer ficar próximo às atrações do centro histórico, o básico Patio Yungay, o moderno Casa Bueras Boutique Hotel ou o luxuoso The Singular Santiago podem ser ideais.

Em Bellavista, uma das opções mais charmosas é o The Aubrey Boutique Hotel. No mesmo estilo, o Hotel Boutique Castillo Rojo é um dos destaques em Providencia.

No fim das contas, o melhor hotel de Santiago é aquele que atende ao seu gosto pessoal. As opções são diversas e você pode descobrir agradáveis surpresas!

Onde ficar em Santiago com família?

O melhor lugar onde ficar em Santiago com família é a região mais residencial, e tranquila, de nossa lista: El Bosque tem um ambiente bem sossegado e seguro, ideal para quem está viajando com crianças.

A região também tem uma grande oferta de acomodações completas, com quartos espaçosos e cozinha equipada, um grande diferencial para grupos familiares.

O bairro de Providencia também é recomendado para quem viaja em família, pois tem boa infraestrutura e concentra diversos hotéis de grande porte, com estrutura completa de lazer.

Onde ficar em Santiago para esquiar?

Santiago está em uma localização privilegiada para quem gosta de esquiar: existem várias estações de esqui e estâncias de inverno nas proximidades da capital chilena, a um bate-volta de distância.

Se você tem interesse em encurtar essas distâncias para economizar tempo e dinheiro em deslocamento, a melhor região onde ficar em Santiago é o bairro de Las Condes, que fica bem perto das montanhas que cercam a cidade.

A área é bastante elegante e sofisticada, endereço da elite da cidade. A maior parte dos hotéis instalados ali oferece serviço de transfer até estações de esqui, como o complexo do Valle Nevado, na Cordilheira dos Andes.

Entre os melhores hotéis de Las Condes, estão o chiquérrimo W Santiago e o Plaza el Bosque Nueva Las Condes, com vista para as montanhas.

Dicas de onde ficar em Santiago

Quer saber em que hotel ficar em Santiago? Confira mais dicas para não errar na reserva de hospedagem!

Onde ficar em Santiago: Centro ou Providencia?

Se você está na dúvida entre o centro e o bairro de Providencia, é melhor escolher o segundo.

O centro é uma região que tem muito movimento durante o dia, mas fica quase deserta à noite, com pouca ou quase nenhuma opção para a vida noturna.

Providencia, por sua vez, não fica para trás em termos de infraestrutura e é atendido por estações de metrô, facilitando a vida do turista.

Quantos dias ficar em Santiago?

Para conhecer as principais atrações da cidade, o viajante precisa de pelo menos três dias em Santiago.

Se você quer fazer passeios pelos arredores da capital chilena, como vinícolas ou bate-volta a cidades como Valparaíso e Viña del Mar, é melhor reservar de cinco a sete dias para a viagem.

Hotel, pousada ou apartamento: qual o melhor?

Os viajantes podem optar por diferentes estilos de hospedagem em Santiago, como hotéis tradicionais, pousadas estilo bed & breakfast ou até apartamentos de temporada. Mas qual a melhor opção?

Os hotéis oferecem serviço completo, com um padrão que varia de 1 a 5 estrelas, e são o formato de hospedagem mais popular entre os turistas que visitam a capital do Chile.

Os apartamentos, por sua vez, estão crescendo no gosto de quem viaja em família, sobretudo por oferecer a comodidade de cozinha equipada que faz a diferença para papais e mamães com crianças pequenas ou bebês.

O lado negativo é que os apartamentos, em geral, não oferecem serviços como limpeza e podem cobrar taxas extras dos hóspedes no check-out para cobrir eventuais despesas com arrumação.

No Chile, as pousadas não existem exatamente como temos no Brasil, e a alternativa mais próxima são os residenciales.

Encontre os melhores hotéis em Santiago

Agora que você já sabe onde ficar em Santiago, está na hora de fazer a sua reserva de hospedagem mais barata em nosso site de buscas, El Quarto!

Utilize à vontade nossos filtros para descobrir as melhores datas para viajar, os hotéis mais baratos e os quartos mais confortáveis da capital chilena e de qualquer cidade do mundo!

Na dúvida, é só acionar a nossa Central de Atendimento para receber auxílio exclusivo e personalizado!

Dicas Elquarto

Sempre que for fazer uma viagem e precisar de passagem aérea, indicamos nosso parceiro que é o site passagenspromo.com.br. Vale a pena fazer uma cotação. Além de prestarem um super atendimento lá você provavelmente encontrará melhores tarifas.

Precisa de um seguro de viagem? Aproveite a promoção que está no site da segurospromo.com.br. Acesse e clique no link pegar promoção para garantir um super desconto de seguro de viagem.