Dicas de turismo em Barcelona: o que fazer, onde ficar e atrações

02 out 2021 • 10 minutos de leitura por danielcosenza

Montar um roteiro de turismo em Barcelona é mais fácil do que muita gente imagina. A capital da Catalunha possui cenários encantadores a cada esquina e vários espaços verdes.

São tantas opções à disposição do viajante que é possível planejar vários dias de viagem sem repetir nenhum ponto turístico e, mais importante, sem se entediar.

Para aproveitar o máximo possível a sua estadia, porém, recomenda-se que o viajante não dê bobeira na hora de fazer seu planejamento de viagem: isso pode te poupar tempo em deslocamentos desnecessários e, consequentemente, dinheiro!

Nesse intuito, criamos um guia com várias dicas para te ajudar a organizar uma viagem por um dos destinos europeus mais badalados, veja só!

Turismo em Barcelona: lugares para conhecer pela cidade

Decidir o que visitar em Barcelona, Espanha, é uma tarefa simultaneamente fácil e difícil, pois você terá à frente uma grande variedade de atrações e, muitas vezes, tempo limitado para conhecer tudo.

Afinal, é difícil ignorar a paisagem cortada pelas imensas torres de La Sagrada Família, não visitar um dos maiores palcos do futebol mundial, o Camp Nou, ou não se perder pelas curvas e formas do colorido Parque Güell.

Você também vai precisar de tempo para conhecer museus icônicos, incluindo o Museu Picasso e a Fundació Miró, ou as praias banhadas pelas águas azuis do Mediterrâneo, como Barceloneta.

Por isso, tome o seu tempo para montar um roteiro de viagem de acordo com suas preferências pessoais e não tenha medo de explorar cada cantinho da cidade em agradáveis caminhadas. 

Onde fica Barcelona?

Onde fica Barcelona?
Fonte: Unsplash

Barcelona é uma cidade da Espanha localizada a nordeste da costa mediterrânea do país, a aproximadamente 2 horas de viagem dos Montes Pirineus, na França.

A cidade fica em uma região conhecida como Catalunha, que tem costumes, história e até idiomas distintos das demais regiões espanholas, a 622 km da capital do país, Madrid.

Você pode aproveitar a localização estratégica para conhecer outros destinos europeus, como a espanhola Valência (350 km de distância) ou as cidades francesas de Toulouse (330 km), Montpellier (345 km) e Marselha (507 km).

Quando ir para Barcelona?

A segunda maior cidade espanhola, lar de mais de 1,6 milhão de pessoas, oferece opções turísticas a seus visitantes em qualquer época do ano, até mesmo durante o inverno, que pode ser relativamente rigoroso em comparação aos padrões brasileiros.

A cidade se beneficia do agradável clima mediterrâneo, que garante verões quentes, com temperaturas de até 35ºC, e invernos amenos, com termômetros entre 8ºC e 16ºC.

Você dificilmente precisará se preocupar com a chuva durante a sua viagem: mesmo nos meses mais úmidos não costuma chover mais que seis dias, o que significa que o sol sempre volta a brilhar quando menos se espera!

Se estiver planejando viajar durante o verão europeu, de junho a agosto, prepare-se para encontrar a cidade lotada, com hotéis e passeios mais caros, e não se esqueça de levar roupas de banho para curtir as praias catalãs.

Aproveite e pesquise passagens aéreas com ótimas promoções clicando aqui!

Onde ficar em Barcelona 

Onde ficar em Barcelona
Fonte: Hotel Arts Barcelona

Por ser um dos principais destinos europeus, Barcelona dispõe de uma ampla rede hoteleira, com albergues, pousadas estilo bed and breakfast e hotéis tradicionais distribuídos por todas as regiões.

No entanto, a cidade também é uma das maiores metrópoles europeias, o que significa que escolher bem onde ficar é uma etapa estratégica do planejamento de viagem.

Confira os principais bairros para hospedagem na capital da Catalunha!

Bairro Gótico 

Centro histórico da cidade, o Bairro Gótico é o endereço de algumas das principais atrações de Barcelona

Foi nesta região que a cidade nasceu, ainda como a antiga cidade de Barcino, do Império Romano, o que ainda pode ser percebido no labirinto de becos e ruas de pedra, por onde se distribuem construções cheias de charme

Em outras palavras, é um bairro com forte vocação turística, que abriga boas opções de hospedagem.

A vantagem de ficar no Bairro Gótico é que você estará perto de ruínas romanas, casarões antigos e palácios, além da Catedral de Barcelona, da Igreja de Santa Maria del Pi e da fotogênica Plaça Reial.

Além disso, o bairro também está localizado pertinho das Ramblas e da praia de Barceloneta.

Raval 

Bairro da moda de Barcelona, El Raval é o reduto dos imigrantes que vivem na cidade e fica coladinho ao Bairro Gótico.

A região foi recentemente revitalizada e ganhou uma grande rede de opções gastronômicas, com bares modernos e restaurantes alternativos, além de hotéis e albergues bem decorados, com estrutura confortável.

Dê preferência a opções de hospedagem na região da Plaça Catalunya, especialmente perto da estação do metrô.

Eixample 

Eixample Barcelona
Fonte: Hotel Nh Barcelona

O bairro de Eixample surgiu na segunda metade do século XIX, após a demolição de antigas muralhas medievais que circundavam a cidade.

É a região mais fotografada da cidade, com seus conhecidos quarteirões octogonais perfeitamente planejados, por onde você encontrará construções modernistas e clássicas.

Também é em Eixample que está a Avenida Passeig de Gràcia, uma das mais importantes da cidade, considerada a “Champs-Élysées catalã”, cheia de lojas e hotéis-boutique.

Em contrapartida, ficar no bairro mais charmoso de Barcelona tem seu preço. Aqui, as diárias são mais salgadas em comparação a outros pontos da cidade.

Born 

O medievalesco Born foi recentemente revitalizado para se tornar o novo núcleo da vida jovem em Barcelona.

Ao longo da extensão da Passeig del Born, principal avenida do bairro, distribuem-se hotéis-boutique, cafeterias e restaurantes charmosos, além de duas atrações imperdíveis: o Museu Picasso e o Palau de la Música Catalana.

A região é ideal para quem deseja conhecer a cidade a pé, pois você estará a uma caminhada dos bairros Gótico e Eixample, da praia de Barceloneta e do Parc de la Ciutadella, bem como de várias estações de metrô.

Gràcia 

O bairro de Gràcia consegue um feito bastante desafiador: é simultaneamente turístico e residencial, reunindo importantes atrações em Barcelona sem perder o caráter caseiro, que permite uma experiência mais genuína na cidade.

Ali, você encontrará armazéns, lojas alternativas, barzinhos descolados e praças arborizadas, onde a vida noturna é animada e tem alternativas para todos os gostos.

Quem fica em Gràcia ainda está perto do Parque Güell, da Casa Vicens e dos pontos turísticos de Eixample.

Encontre os melhores hotéis em Barcelona no ElQuarto!

Encontre os melhores hotéis em Barcelona no ElQuarto!
Fonte: H10 Universitat Hotel

Está montando um roteiro de turismo em Barcelona? Então não se esqueça de reservar seu hotel com antecedência, especialmente se estiver pensando em viajar durante a alta temporada, no verão europeu.

Em nosso site de buscas, ElQuarto, você pode comparar ofertas, reservar acomodações e até pagar suas diárias em reais, sem incidência de IOF: tudo em um só lugar, para garantir total comodidade e economia para a sua viagem!

Nossa plataforma reúne milhares de acomodações a preços exclusivos e até opções com cancelamento gratuito, para que você possa escolher o melhor lugar para ficar com autonomia e liberdade.

Faça uma simulação e descubra que se hospedar em Barcelona pode sair mais barato do que você pensa!

Mapa turístico da cidade de Barcelona

Tudo parece pensado para o turismo em Barcelona: as principais regiões da cidade estão conectadas por eficientes redes de metrô e ônibus, existem ciclovias para todos os lados e muitas atrações estão separadas por poucos metros!

Mesmo assim, antes de conhecer a cidade você não pode deixar de conhecer o mapa local para identificar onde ficam as atrações que você deseja incluir em seu roteiro. Confira!

Qual atração turística está situada em Barcelona?

A turística capital catalã atrai mais de 12 milhões de visitantes do mundo inteiro todos os anos, interessados em seus parques, museus, edifícios antigos e outros atrativos.

Pegue o papel e a caneta, pois chegou a hora de descobrir os melhores lugares para visitar em Barcelona, Espanha!

La Sagrada Familia 

Mesmo sem ter sido concluída, a construção do Temple Expiatori de La Sagrada Familia é o cartão-postal oficial do turismo em Barcelona.

A obra começou em 1883, sob responsabilidade do icônico Antoni Gaudí, e só deve ser concluída em 2026.

Em estilo gótico, a igreja terá 18 torres quando a obra for finalizada, além de incontáveis colunas que, conforme o projeto original de Gaudí, deveriam representar uma floresta em plena cidade.

A única maneira de visitar La Sagrada Familia é mediante agendamento prévio pelo site da atração, com ingressos individuais a 26 euros (com áudio-guia) e visita guiada a 27 euros (preços em julho/2021).

Parque Güell 

Parque Güell
Fonte: Pixabay

Tombado como Patrimônio da Humanidade pela Unesco, o Parque Güell é um verdadeiro símbolo de Barcelona, também projetado por Gaudí.

A principal portaria fica na Carrer d’Olot, onde você poderá contemplar a escadaria dupla, rodeada por muros convexos que dá acesso à Sala das Colunas.

O parque também abriga construções como a Casa Museu Gaudí, onde o arquiteto morou de 1906 a 1925, o Teatro Grego e a Casa del Guarda.

Parte do Parque Güell tem entrada gratuita, mas um trecho é chamado de “zona restrita”.

Para conhecê-lo, você precisa agendar sua visita e pagar ingresso de 10 euros. O tour guiado, por sua vez, sai a 22 euros (preços em julho/2021).

Casa Batlló e La Pedrera 

No coração do bairro Eixample, em plena Passeig de Gràcia, ficam duas das principais construções de Gaudí em Barcelona: a Casa Batlló e La Pedrera.

A Casa Batlló é uma construção em arenito, revestida por mosaicos bem coloridos, além de janelas ovaladas e varandas com pilares assimétricos. Ou seja, uma fachada que chama a atenção de quem passa por ali.

Para visitar o interior do edifício, que abriga um museu modernista e é tombado como Patrimônio Mundial pela Unesco, é necessário desembolsar 35 euros (preço em julho/2021). 

Assim como a Casa Batlló, a Casa Milà, ou La Pedrera, também é uma obra de Gaudí tombada pela Unesco: foi o último projeto do arquiteto para uma residência.

O resultado não agradou tanto assim e a casa ficou conhecida pelo apelido de La Pedrera, destacando-se de qualquer forma entre as demais!

Camp Nou 

Embora muitos viajantes queiram conhecer a rambla da cidade ou as obras-primas de Gaudí, inúmeros visitantes montam roteiros de turismo em Barcelona por outro motivo: o futebol!

Afinal, a cidade é o lar de um dos clubes mais bem-sucedidos do futebol europeu, o Barcelona, multicampeão de campeonatos continentais e nacionais.

Se você é um amante do esporte mais popular do planeta, uma visita ao Camp Nou, estádio do Barcelona, é praticamente obrigatória!

Além de conhecer as dependências do estádio, incluindo o vestiário, você poderá visitar o Museu do Barça, loja de souvenires, restaurantes e lanchonetes

As entradas custam a partir de 26 euros (em julho/2021) e podem ser adquiridas no site do clube.

Las Ramblas 

Las Ramblas
Fonte: Unsplash

O complexo de ruas de Las Ramblas é nada menos que o ponto mais agitado da cidade, por onde você vai passar em algum momento da sua viagem.

Ali, é possível encontrar de tudo, como comércio, restaurantes, cafés, mercados e monumentos históricos, incluindo uma estátua de Cristóvão Colombo com mais de 50 metros de altura!

A região é bastante arborizada e se estende por boa parte da cidade, desde a Plaça de Catalunya até a orla da cidade.

Como toda região turística atrai aproveitadores, fique atento para evitar a ação dos batedores de carteira, que se aproveitam dos viajantes distraídos com as belezas da área.

Barceloneta 

Você sabia que Barcelona tem praias? La Barceloneta é a mais famosa de todas, endereço de bares, restaurantes e excelente infraestrutura, incluindo banheiros e duchas.

Durante o verão, a região costuma ficar abarrotada de banhistas e ambulantes, então chegue cedo para encontrar o lugar ideal para passar o dia na areia ou programe sua viagem para outra ocasião.

Além disso, vale a pena levar seus próprios guarda-sol e cadeira de praia, pois o aluguel de cada item pode ficar acima de 15 euros na alta temporada (preço em julho/2021).

Se você prefere praias menos badaladas, considere visitar as regiões de Nova Icaria ou Ocata.

Turismo em Barcelona e arredores

Você pode aproveitar e esticar seu roteiro de turismo em Barcelona para outros destinos nos arredores da cidade!

A apenas 1 hora de comboio, a pequena Girona abriga igrejas góticas e construções medievais com milênios de história, como o Monasterio de Sant Pere de Galligants.

A cidade de Tarragona também fica nas redondezas, a apenas meia hora de Barcelona, e é o endereço das ruínas da cidade de Tarraco, que fez parte do Império Romano, tombadas como Patrimônio da Humanidade pela Unesco.

Se você gosta de praias, não deixe de visitar Sitges, considerada a “Saint Tropez espanhola” e localizada a apenas 30 minutos da capital da Catalunha.

O que fazer em um domingo em Barcelona?

Barcelona pode ser uma cidade ainda mais encantadora aos domingos, quando seus atrativos levam viajantes e locais a explorar cada cantinho da metrópole.

Você pode aproveitar o dia para conhecer os museus da cidade, assistir a uma missa na icônica igreja de La Sagrada Familia ou passear em um dos parques locais.

Quem gosta de esportes pode assistir a um jogo do Barça no Camp Nou ou passar o dia na praia, curtindo as águas azuis do Mediterrâneo.

Uma coisa é certa: nem mesmo aos domingos você ficará entediado em Barcelona!

O que fazer em três dias em Barcelona?

O que fazer em três dias em Barcelona?
Fonte: Frimufilms / Freepik

O viajante que quer montar um planejamento curto de turismo em Barcelona precisa se organizar bem para não deixar nenhum atrativo importante de fora do roteiro.

Dedique o primeiro dia de viagem a conhecer o Parque Güell e as atrações da Passeig Gràcia, como a Casa Batlló e a Casa Milá.

No segundo dia, conheça a belíssima La Sagrada Familia, as ruas charmosas do Bairro Gótico e faça a visita guiada ao Camp Nou.

Para despedir-se, visite a praia de Barceloneta, o Parc de la Ciutadella, a alameda de Las Ramblas e o maior parque da cidade, o Montjuic, onde está instalado um castelo de mesmo nome.

O que fazer em Barcelona em 7 dias?

Sete dias de viagem é o suficiente para curtir as principais atrações de turismo em Barcelona e arredores.

Além das sugestões que listamos acima para os três primeiros dias de viagem, você poderá conhecer alguns dos cenários mais encantadores de Barcelona: praias! 

Aproveite o quarto dia de viagem para visitar a Praia de Ocata, pela manhã, e a badalada Praia de Sitges à tarde.

No quinto dia, volte a explorar Barcelona, incluindo passeios aos principais museus da cidade em seu roteiro, como a Fundação Joan Miró, o Museu Picasso e o Museu Nacional d’Art de Catalunya.

Reserve o sexto dia de viagem para conhecer a charmosa cidade de Girona, um destino medieval que já serviu de cenário para a série Game of Thrones e guarda ruínas com mais de 2.000 anos de história!

Para se despedir de Barcelona, conheça o centenário Parque Del Tibidabo, que oferece vista panorâmica da cidade e reúne vários brinquedos divertidos, dos mais sossegados aos mais radicais!

Turismo em Barcelona: hotéis em promoção no ElQuarto!

Se você já sabe quais atrações de turismo em Barcelona incluir em seu roteiro, só falta garantir seu hotel pelo melhor preço do mercado! 

Nessa tarefa, você pode contar com o melhor buscador do Brasil, o ElQuarto!

Nossa plataforma permite que você compare ofertas, reserve acomodações e pague suas diárias em um só lugar, com toda a praticidade que você precisa para garantir férias inesquecíveis!

Faça uma simulação agora mesmo e descubra que visitar a fantástica Barcelona pode caber no seu bolso!

Modal LGPD Usamos cookies para melhorar sua experiência em nosso site. Ao continuar a navegação, você confirma estar de acordo com o uso de cookies.
Para mais informações consulte nossa política de privacidade.